3 indicadores de desempenho de uma startup

Conheça 3 indicadores de desempenho de uma startup

Os indicadores de desempenho são parâmetros que podem ser usados para medir o sucesso de uma startup. Veja aqui 3 indicadores de desempenho de uma Startup.

O que são Indicadores de desempenho?

Os indicadores de desempenho são uma maneira de medir o crescimento e a rentabilidade da startup. Eles podem ser definidos como os dados que mostram os resultados financeiros e um reflexo dos investimentos feitos na empresa. Ou seja, são uma maneira de analisar o crescimento e performance de uma startup. Eles incluem todos os ganhos e perdas que a empresa obtém por meio de seus investimentos e atividades.

Qual a importância dos indicadores de desempenho para uma startup?

Quando se trata de startups, os indicadores de desempenho são um dos itens mais importantes para o sucesso do negócio. Se você não sabe o que os indicadores de desempenho são e como usá-los a seu favor, pode estar perdendo negócios, clientes e investimentos. Eles são ferramentas essenciais para acompanhar o progresso de uma startup. Esses indicadores são usados para medir o desempenho da empresa, ajudando a identificar quais são os problemas e o que pode ser feito para melhorar.

O acompanhamento de indicadores de desempenho em uma Startup, assim como em qualquer outra organização, é muito importante para que os empreendedores responsáveis pela condução do negócio possam ter uma visão mais concreta dos rumos que estão sendo traçados, além de conseguir projetar um futuro de curto, médio e longo prazo mais sustentável.

3 indicadores de desempenho para startups

Entre os principais indicadores de desempenho, destacam-se:

  • CAC (abreviação do termo em inglês Cost of Acquisition of Customer – custo de aquisição do cliente;
  • LTV (abreviação do termo em inglês Lifetime Value – Valor do Cliente);
  • Churn (custos com rejeições).

A seguir vamos tratar de algumas das principais métricas utilizadas por startups para mensurar a sua performance. Acompanhe!

1. Custo de Aquisição do Cliente

Um dos mais importantes indicadores é o Custo de Aquisição do Cliente (CAC). O custo de aquisição do cliente é o valor que você gasta para atrair um novo cliente, e ele é composto por várias despesas, como anúncios na mídia tradicional, material promocional, pesquisa de mercado e outros gastos relacionados à aquisição do cliente.

O Custo de Aquisição do Cliente (CAC), é o indicador que diz respeito – como o nome sugere -, ao valor desembolsado para adquirir um novo cliente. Dentro disso, inclui-se todos os custos relacionados ao time de vendas e marketing, como salários, publicidade, comissões, dentre outros. O CAC representa o custo total da sua empresa para atrair um cliente e converter um lead. A partir daí, você precisa calcular o valor total que esse cliente vai trazer à sua empresa no longo prazo.

2. LVT – Lifetime Value – Valor do Cliente

Outro indicador importante é o Valor Líquido da Receita (LTV), que é usado para calcular quanto vale um cliente para sua empresa após ter ficado satisfeito com seu prod

O LTV (abreviação do termo em inglês Lifetime Value – Valor do Cliente) diz respeito a todo o valor conquistado pela startup, durante o período em que o cliente esteve vinculado a alguma contratação de produto ou serviço.

Dois exemplos bem claros sobre essa métrica podem ser facilmente identificados a partir do modelo de negócio utilizado pela @netflix e pelo @spotify. Ambas bigtechs fidelizam o cliente oferecendo uma contratação recorrente de seus serviços e conseguem reter os usuários por longos períodos. A soma de todo o tempo da contratação é atribuída à métrica do LTV.

3. Churn

Já o Churn é um indicador que representa a quantidade perdida de receita ou clientes. Observar os motivos que levam os clientes a cancelar a contratação com determinada empresa ou startup representa um fator muito importante justamente para identificar oportunidades de ajustes e melhorias no seu negócio.

Esses indicadores também são decisivos sob o ponto de vista do investidor. Em uma due dilligence, prévia ao aporte de capital em uma startup, frequentemente o empreendedor é questionado sobre essas métricas. 

Portanto, seja para o crescimento sustentável do seu negócio, seja para a atração de investidores, o mapeamento dos indicadores de uma startup são extremamente importantes, visto que visam atingir resultados mais rápidos e melhores.

Veja mais insights do slap.LAW