3 indicadores de desempenho de uma startup

O acompanhamento de indicadores em uma organização, seja ela startup ou não, é muito importante para que os empreendedores responsáveis pela condução do negócio possam ter uma visão mais concreta dos rumos que estão sendo traçados, além de conseguir projetar um futuro de curto, médio e longo prazo mais sustentável.

A seguir vamos tratar de algumas das principais métricas utilizadas por startups para mensurar a sua performance.

O Custo de Aquisição do Cliente (CAC), é o indicador que diz respeito – como o nome sugere -, ao valor desembolsado para adquirir um novo cliente. Dentro disso, inclui-se todos os custos relacionados ao time de vendas e marketing, como salários, publicidade, comissões, dentre outros.

O LTV (abreviação do termo em inglês Lifetime Value – Valor do Cliente) diz respeito a todo o valor conquistado pela startup, durante o período em que o cliente esteve vinculado a alguma contratação de produto ou serviço.

Dois exemplos bem claros sobre essa métrica podem ser facilmente identificados a partir do modelo de negócio utilizado pela @netflix e pelo @spotify. Ambas bigtechs fidelizam o cliente oferecendo uma contratação recorrente de seus serviços e conseguem reter os usuários por longos períodos. A soma de todo o tempo da contratação é atribuída à métrica do LTV.

Já o Churn é um indicador que representa a quantidade perdida de receita ou clientes. Observar os motivos que levam os clientes a cancelar a contratação com determinada empresa ou startup representam um fator muito importante justamente para identificar oportunidades de ajustes e melhorias no seu negócio.

Esses indicadores também são decisivos sob o ponto de vista do investidor. Em uma due dilligence, prévia ao aporte de capital em uma startup, frequentemente o empreendedor é questionado sobre essas métricas. 

Portanto, seja para o crescimento sustentável do seu negócio, seja para a atração de investidores, o mapeamento dos indicadores de uma startup são extremamente importantes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja mais insights do slap.LAW