Software como um serviço (SaaS)

Software as a Service, significado do termo “SaaS” em inglês, ou, simplesmente, “software como um serviço”, em claro e bom português, é um modelo de negócio muito debatido quando o assunto é tecnologia. Trata-se de um “produto” consumido por praticamente toda a população mundial nos dias atuais. O termo “produto”, inclusive, foi propositalmente colocado entre aspas, por ser uma forma de destacar a forma como um software era consumido no passado e como é utilizado atualmente.

É que, no passado, estávamos acostumados a comprar um software (programa de computador), geralmente no formato de CD. O programa era instalado no computador, e a partir de então, usufruímos normalmente das funcionalidades oferecidas. O processo era mais lento, e não trazia a escalabilidade que o SaaS atualmente oferece. A propósito, por escalabilidade, entende-se o processo de aumento de faturamento de uma empresa, sem a necessidade de elevação dos custos operacionais.

Com o aprimoramento da internet no mundo todo e a possibilidade de os consumidores estarem 100% conectados, 7 dias por semana, um novo formato de se pensar o software foi estabelecido pela indústria da tecnologia.

Hoje em dia, as empresas de tecnologia entenderam que para alcançar a escalabilidade, a entrega das soluções desenvolvidas deve ser compreendida como um serviço na nuvem, que normalmente envolve o pagamento através de um modelo de assinatura (a conhecida economia da recorrência) e não mais como um produto que se compra em uma loja de periféricos, por exemplo. 

Com esse formato, os serviços oferecidos podem ser utilizados em celulares, tablets, computadores, televisões e por aí vai. Talvez dois exemplos famosos de SaaS consumidos por grande parte da população conectada sejam o @spotify e o @netflix, respectivamente, players de áudio e vídeo.

Mas os SaaS não se resumem, tão somente, aos apps destinados aos consumidores (B2C). Serviços de tecnologia destinados a empresas (B2B), como por exemplo é o caso da @salesforce – precursora neste modelo de entrega de serviço -, também movimentam bastante esse mercado.

Apenas para se ter uma ideia, segundo o blog da @vindi, em informações colhidas da consultoria @Gartner, o mercado SaaS deve atingir USD $143 bilhões em 2022.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *