Plano de tributação dos EUA ‘derruba’ Bitcoin abaixo de US$ 50.000, após anúncio do Presidente Biden

O que é Bitcoin?

O Bitcoin foi a primeira criptomoeda do mundo e que, há oito anos, funciona sem qualquer interrupção. Operando baseada em uma rede descentralizada, conhecida como cadeia de blocos super segura (blockchain), vem sendo realizada brutalmente durante os anos de 2020 e 2021, mas, nos últimos dias, enfrentou uma queda gigantesca e surpreendente. . 

A queda

A moeda eletrônica que, em 2020, foi um dos investimentos mais valorizados no mundo, saltando de US$ 7.300 para US$ 29.433, em uma alta de 303%, teve uma queda de, nada mais nada menos, 8,46% na tarde desta sexta-feira (23/04). Depois da queda, acabou sendo negociada a US$ 49,4 mil.  

O Motivo

O motivo, segundo a imprensa especializada, foi a notícia de que o Presidente Americano Joe Biden propôs dobrar os impostos incidentes sobre ganhos de capital para 39,6%, para investidores que ganham mais de USD 1 milhão. Segundo dados da rede norte-americana CNBC, a desvalorização das criptomoedas fez com que o mercado cripto “desaparecesse” com USD 200 bilhões em um dia.

Embora nas mídias sociais tenham sido publicadas postagens sobre os danos do plano às criptomoedas e os investidores individuais tenham reclamado das perdas, alguns traders e analistas disseram que a queda deve ser temporária. Independente dessa queda, que não foi a primeira,, esse capítulo da história da moeda virtual mais famosa do mundo promete estar longe de acabar. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja mais insights do slap.LAW